Radio Peruíbe Online

Radio Peruíbe Online
Peruíbe FM

sábado, 24 de março de 2012

Diante do tempo Anjopoesia




Diante do tempo

Não se espera
a morte chegar
Estando vivo

O sangue
Corre quente
 nas veias

Mesmo 
que o tempo
 passe

Deixe o sorriso
Rasgar
Em sua boca

É tempo
De contar histórias
Que traz na memória

Os anos marcam
Seu caminhar
Que é mais lento
O olhar gasto
Pelo tempo
já vê com dificuldades

Suas mãos
Estão lentas
Tremem

Mas sua mente
Continua viva
E irá além da morte

Anjopoesia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita, deixe um comentário que vou interagir assim que ler...Obrigada

Quando a mulher ama

Quando a mulher ama A mulher quando ama Fica cheia de anseios em relação ao homem amado Suas mãos se tornam veludo Macias...