quinta-feira, 4 de abril de 2019




Sonêto,O poeta


O poeta não  precisa mais 
que uma folha de papel,
não precisa ser a granel...

O lápis 
ou mesmo uma caneta
em sua escrita perfeita
vai usar de inspiração ...

Ah ! o poeta calejado
vivido, tatuado
pelas letras, frases, gravados
pela sua imaginação..

O amor deve ter no  coração
carregado de sensibilidade
cuja intensidade
se descreve em sua poesia...

Anjopoesia


quarta-feira, 6 de março de 2019

Ferramentas




Ferramentas

No compasso da vida
temos as ferramentas
necessárias
para sobreviver...
Temos um coração
que será usado
para os sentimentos,
palco de grandes amores
e onde podemos
Contrabalançar
razão e sentimentos...
Teremos a mente
que nos faz pensar
arquitetar
planejar
é onde saberemos a diferença
entre o certo do errado,
fazendo-nos agir de acordo
com nossos interesses...
A união dessas ferramentas
formam então nosso EU
onde guardamos
conhecimentos obtidos
ao longo de nossa vida...
Usemos nossas ferramentas
para o nosso bem
e de quem nos acompanha...

Anjopoesia

quinta-feira, 31 de janeiro de 2019

Respeito


Respeito

Quando o homem
respeitar a Natureza
os Animais
o Ser humano
como um todo,
talvez no mundo
não teremos
mais avalanches
nem terremotos
nem tragédias
que varrem tudo
que encontram
pela frente...


Anjopoesia


sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Um rosto de mulher

 
  Um rosto de mulher 

Vejo um rosto
de mulher perdido,
pintado, batom vermelho
numa tela, pela cidade...
Com sol ou chuva,
lá está ela a me fitar...
Olhar displicente,
cheio de emoções,
um olhar sonhador...
Os pássaros voam, brincam
em frente ao seu rosto,
que sério parece ver
o mundo, as pessoas...
Aquele olhar vagabundo
parado no espaço,
no mundo,
parece brincar com o tempo,
cuja face pintada na tela,
não importa  o tempo
não mudará,
sempre será o mesmo  uniforme. sem marcas,
apenas um rosto de mulher..
O pintor é o poeta
que através dos seus rabiscos
compõe uma poesia,
com imagem,
uma mulher de sentimentos.
cujos momentos silenciosos
fala apenas com seu olhar...


Anjopoesia

terça-feira, 25 de julho de 2017

Quando a mulher ama



Quando a mulher ama

A mulher quando ama
Fica cheia de anseios
em relação ao homem amado

Suas mãos se tornam veludo
Macias, procurando o retorno
Nas carícias do seu amado

Sua boca procura
Os beijos ardentes
E eloqüentes de quem ama

O envolvimento
 nas doces palavras ditas
ouvidas bem baixinho

Assim é
A entrega se faz presente
A satisfação eminente

Mostra sua felicidade
Perfeita cumplicidade
Com o homem que ama...


Anjopoesia

Sonêto,O poeta O poeta não   precisa mais   que uma folha de papel, não precisa ser a granel... O lápis   ou mesmo ...