Além do horizonte


Ao poeta cabe falar sobre temas que por vezes podem até chocar, mas faz parte da sensibilidade que o poeta tem de questionamentos dentro daquilo que chamamos de vida como a morte que estão interligadas uma a outra, porque a vida inicia-se com o nascimento, auge maior do ser humano e seu fio material se rompe com a morte, pensemos nisso...Anjopoesia

Além do Horizonte

Vida que se vai a cada segundo
misturada ao apagar das luzes
caminhando para uma grande escuridão...

No rosto misterioso um sono profundo
se faz presente e ausente,
a vida cambaleia tão forte
e tão fracos não temos como evitar...

As horas passam,
Os segundos  tornam-se eternos ,    
alguém ou ninguém nada pode fazer...

Olhos fechados, alheios ao que acontece
simplesmente como num sonho,
viaja, sem ao menos se despedir
uma vida que se vai...

Anjopoesia



Comentários

  1. Um texto bem escrito e reflexivo capaz de promover e despertar um pensamento pra um caminho muito mais feliz. Parabéns meu amor pelo versos de amor e um entendimento melhor. te amo minha linda poetisa

    ResponderExcluir
  2. Oi querida,
    Eu não tenho medo de morrer. Eu acredito que quem sofre muito quando está perto do fim, fez muitas maldades.
    Uma poesia de arrepiar, mas verdadeira
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  3. Oi como vai? Obrigado por ter ido ao Curvas, retas e esquinas! Fico também por aqui! Gostei muito e levo comigo o sentido de suas palavras... beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigada pela visita, deixe um comentário que vou interagir assim que ler...Obrigada

Postagens mais visitadas