quarta-feira, 7 de março de 2012

Carinho Anjopoesia




Carinho

Carinho não se compra
Não se vende 
Nasce no olhar
Num gostoso beijar

Carinho é assim
Não tem fim
Se faz todo dia
No gesto se cria

Um delicado beijo
Dizendo palavras doces
Um abraço apertado
E um jeito apaixonado

Anjopoesia 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita, deixe um comentário que vou interagir assim que ler...Obrigada

Pergunte ao seu interior... Anjopoesia

Recolha-se ao seu interior e pense no que pode ser mudado… Anjopoesia