terça-feira, 1 de junho de 2010

Acredite em mim



Deixe-me viver
Vê se consegue entender
Não queira me aprisionar
Não transforme nosso amor
Em tristezas,mágoas e horror


Quero viver momentos
De carícias, beijos
Te amar e ser amada
Estou aqui presente
De corpo,alma e mente


Sou tua,inteira e nua
O que mais posso dizer
Não sofra e não chore
Vou cantar uma canção
Escuta e segue meu coração


Acredita em mim
Quero te amar
Sua boca beijar
Contigo quero estar
Nunca mais te deixar


Anjopoesia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita, deixe um comentário que vou interagir assim que ler...Obrigada

Honestidade Anjopoesia

Honestidade Honestidade é um dom, ela não tem idade, abrange  a mocidade, a meia idade... Começa no berço deve-se até faz...