quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Amar-te



Amar-te

Como contar-te o que é amar
Falar de um amor que queima
Das armadilhas que há no verbo amar

Queria ter palavras pra contar-te
Sobre meu amar, meus ciúmes
Minha vontade de te cuidar

Contar-te os mistérios intrigantes
Do meu coração que alegre fica
Só por ver seu olhar

Queria contar-te como dói
Cada palavra sua que traduza
Indiferença desse verbo te amar

Ah meu amor queria contar-te
Quão grande é esse amor
Que cabe em meu ser
Todinho por você....

Anjopoesia






21 comentários:

  1. Venho agradecer se ter registado no meu blogue
    http://intemporal-pippas.blogspot.com
    Já me registei no seu. Acho o seu blogue muito
    interessante e estas imagens com vida, (que eu
    não sei como se conseguem muito interessantes).
    Tenho um blogue onde insiro bastante poesia
    que me cedem(porque eu não sei escrever poesia)
    se quiser ofertar-me uma sua terei muito gosto.
    Obviamente com os devidos créditos.Basta que num comentário me dê a resposta. Tinha muito
    gosto que visitasse esse blogue:
    http://sinfoniaesol.wordpress.com
    aceita comentários, mas não seguidores.
    Beijinhos
    Irene Alves

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde! Um poema apaixonado, intenso e muito bonito!

    ResponderExcluir
  3. O amor pode abrir uma porta para a felicidade ou levar à perdição e ao sofrimento. Por isso, ele é único.

    Daniel

    ResponderExcluir
  4. O amor é a vida em movimento para a felicidade ou o sofrimento... Quanto a ser feliz ou infeliz não precisamos se preocupar pois o que deve descortinar primeiramente em nossas vidas é o amor e a esse devemos nos entregar sem se preocupar com o depois... Aliás o amor não se importa com barreiras... Beijos meus e carinhoso...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se o amor for um amor verdadeiro realmente não precisamos nos preocuparmos poeta...beijos meus

      Excluir
  5. Muito bonito...Concordo com as palavras do Daniel.

    Beijinhos

    Ana

    ResponderExcluir
  6. Muito romântico! O amor traduz tudo o que a poesia pode descrever. Amei!

    Abraços poéticos!

    ResponderExcluir
  7. O que é o amor


    O que é o amor?
    Sintomas?
    Elemento de fantasias?
    Situação que sustenta o
    interesse de querer-te?
    O amor é o estado propenso
    a afeto duradouro e responsáveis.
    Disposição de espírito
    que induz uma pessoa a outra
    dedicar, através do sentimento
    carinho...


    Francis Perot o poeta

    ResponderExcluir
  8. Hola -hola, ¡Es hermoso el amor! El amor de todos los colores, tiene la fuerza inmensa de hacer felices a los demás, y sentirnos también felices nosotros mismos.

    Es el amor en todos los sentidos, el motor que nueve la humanidad.
    Ha sido un inmenso placer pasar a leerte.
    Gracias por acercarte a mi puerto marinero
    Te dejo un abrazo trenzando nuestra amistad. Gracias de nuevo.
    Se muy feliz.

    ResponderExcluir
  9. Belo poema...Espectacular....
    O amor é o sentimento dos seres imperfeitos, posto que a função do amor é levar o ser humano à perfeição. Como são sábios aqueles que se entregam às loucuras do amor.
    ~Joshua Cooke

    Cumprimentos

    ResponderExcluir
  10. Minha querida,
    que maravilha de poema!
    Obrigada pela visita.

    Beijinhos...

    ResponderExcluir
  11. Estou levando o seu selinho rsrsrs.

    Eu criei esta fan page e peço que faça
    o favor de curtir!

    http://www.facebook.com/ZiziParaOsAmigos

    Beijinhos...

    ResponderExcluir
  12. Amor, amar... precisamos desse sentimento para caminhar.
    Amiga já te sigo a algum tempo e, fiquei muito feliz em te ver em um dos meus blogs.
    Beijinhos de luz.
    Lua

    ResponderExcluir
  13. OI ANJO!
    CONTENTE EM TE RECEBER LÁ NO "SÓ PRA DIZER".
    NOS PERDEMOS UM POUQUINHO PELA BLOGOSFERA NÉ?
    TEU TEXTO ESTÁ BELÍSSIMO.
    LER SOBRE AMOR É SEMPRE ALGO MUITO PRAZEROSO,PRINCIPALMENTE QUANDO AS PALAVRAS SE ENCAIXAM TÃO VERDADEIRAMENTE E DE FORMA TÃO BONITA.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/ClickAQUI

    ResponderExcluir
  14. Lindo Texto, acho que somente a poesia é capaz de traduzir o amor de cada um...é tão gostos, e doloroso, colocar em palavras rimadas o amor q se sente...e vc faz isso de forma tão bela e emocionante...prabéns!

    bjos e bom final de semana >.<

    http://pingentesdeilusao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Prazer


    Tome completo
    até a ultima gota
    o teu desejo ao copo.
    e por prazer
    coma o que tens a mesa...


    Poeta Francis Perot

    ResponderExcluir
  16. Se falta o amor


    O mistério da entrega
    na maioria das vezes
    leva consigo temores,
    mas não vou desistir
    de lutar pelo nosso amor
    ainda que seja a dor
    o palco da partida.
    Encontros,
    orgasmos,
    e outros, a gente
    consegue manipular,
    mas o amor
    meu amor...
    Não dá...
    Esse nos faz chorar
    se em nossas vidas faltar...


    Poeta Francis Perot

    ResponderExcluir
  17. O sol se pôs


    O sol entregou
    a noite
    o meu mundo.
    A solidão não
    perdeu tempo, e
    veio fazer parte
    de minha vida
    nesse momento...
    Mas eu vou delegar
    a saudade
    de meu coração
    com a poesia,
    que já faz parte
    dos meus dias.
    Sejam eles
    Claros,
    ou escuros.
    Para que eu nunca
    perca a esperança,
    quando a verdade
    não for o bastante
    pra me convencer...


    Poeta Francis Perot

    ResponderExcluir
  18. Mais uma vez aqui no seu maravilhoso blogue. Sempre com excelente poesia.
    É sempre gostoso vir aqui. Bjs.
    Irene Alves

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, deixe um comentário que vou interagir assim que ler...Obrigada

Pergunte ao seu interior... Anjopoesia

Recolha-se ao seu interior e pense no que pode ser mudado… Anjopoesia