sábado, 1 de outubro de 2011

Vem comigo Anjopoesia



Vem comigo

Nao tenho explicação
Nem me pergunte
Apenas vem correndo
Ao meu encontro

Vem caminhar comigo
Vem sonhar comigo
Não deixemos 
Tantas coisas pra depois

Dono do meu coração
Dono da minha paixão
Vem correndo
Não me deixe esperar

Não tem explicação
O que aconteceu comigo
Por nenhum momento
Você sai do meu pensamento

Anjopoesia

Um comentário:

  1. É lindo o seu poema! Um chamamento de amor, pelo amor, e assim, a busca da perfeição que é o amor. Parabéns, amiga!

    Bjos e bom domingo!

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, deixe um comentário que vou interagir assim que ler...Obrigada

Calar-se

Calar-se        Falar por vezes  pode machucar Acaba-se  falando o que não se quer dizer... Falar..   pode não ser aque...