quinta-feira, 3 de junho de 2010

Amor de anjo


Minha boca carnuda pintada
Cor vermelha da paixão
Sedutora e embriagante

Na sedução sou mulher
Envolvente e de encanto
Mas como anjo sou divina
Tenho asas e sou menina


Se queres me amar
Me despe da candura
Amar um anjo é impossível


Vou perder minhas asas
Me tornar então mulher
Te darei minha boca pra beijar
E meu corpo pra amar



Anjopoesia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita, deixe um comentário que vou interagir assim que ler...Obrigada

Honestidade Anjopoesia

Honestidade Honestidade é um dom, ela não tem idade, abrange  a mocidade, a meia idade... Começa no berço deve-se até faz...