terça-feira, 26 de janeiro de 2010



Seus olhos verdes



Seus olhos verdes me fascinam
Profundos e melancólicos
Me dizem algo de misterioso
Que gostaria de revelar


Seus olhos verdes me cativam
São lindos e envolventes
Fico estática ao vê-los
A timidez me embriaga


Seus olhos verdes me iludem
Me fazendo sonhar
Que quando pra mim eles olham
Sinto que estão a me desejar


Seus olhos verdes me ensinam
Como é bom o sentimento amar
Derrame amor sua querência sobre mim
Nesses olhos verdes de uma solidão sem fim


Anjopoesia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita, deixe um comentário que vou interagir assim que ler...Obrigada

Calar-se

Calar-se        Falar por vezes  pode machucar Acaba-se  falando o que não se quer dizer... Falar..   pode não ser aque...